25 junho 2011

1001 Filmes: Arcanjo (Archangel)

DIREÇÃO: Guy Maddin;
ANO: 1990;
GÊNEROS: Comédia;
NACIONALIDADE: Canadá;
IDIOMA: inglês;
ROTEIRO: Guy Maddin e George Toles;
BASEADO EM: ideia de Guy Maddin;
PRINCIPAIS ATORES: Michael Gottli (Jannings); David Falkenburg (Geza); Michael O'Sullivan (Doutor); Margaret Anne MacLeod (Babá); Ari Cohen (Philbin); Sarah Neville (Danchuk); Kathy Marykuca (Veronkha) e Kyle McCulloch (John Boles).





SINOPSE: "A cidade de Archangel recebe hóspedes durante o avanço bolchevique e um soldado, que está no centro da narrativa, apaixona-se perdidamente por uma mulher que lembra sua amada morta. Ambientado no norte da Rússia em 1919." (Cine-Cult-Classic).



"Um filme dispensável se estiver procurando diversão, e um filme aceitável, caso queria conhecer o rico e vasto mundo cinematográfico. Aqui, representa-se uma história até certo ponto linear, porém, muito precária nas atuações, cenários e história."

(1: Ruim; 2: Regular; 3: Bom; 4: Ótimo; 5: Excelente)
Jonathan Pereira





"Apesar de certa linearidade, Archangel é um dos filmes mais esquisitos que eu já vi, inclusive utilizando-se de péssima arquitetura para dizer-se comédia (como aeroportos e aviões cenográficos que parecem ser de papelão). Guy Maddin, fã de diretores como Buñuel, autodidata em cinema, combina elementos extravagantes e bregas em seus filmes, o que tem seu ponto positivo ao ser um inventor ousado na sétima arte, porém, não agradando tanto, ficando mais restrito a um grupo de intelectuais que valorizam inventividades e lhe dão alguns prêmios. Pela história do cinema, vale a pena conhecer este diretor e suas histórias mirabolantes."

(1: Ruim; 2: Regular; 3: Bom; 4: Ótimo; 5: Excelente)
Kleber Godoy





Para entender o que são os 1001 Filmes, acesse a página explicativa.

Para entender a dinâmica do 'O Teatro Da Vida' visite a página sobre o blog.






















Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...