17 dezembro 2011

1001 Filmes: Basquete Blues (Hoop Dreams)

DIREÇÃO: Steve James;
ANO: 1994;
GÊNEROS: Documentário;
NACIONALIDADE: EUA;
IDIOMA: inglês;
BASEADO EM: história da vida de William Gates e Arthur Agee;
PRINCIPAIS ATORES: William Gates (Ele mesmo); Arthur Agee (Ele mesmo); Emma Gates (Mãe de William); Curtis Gates (Pai de William); Sheila Agee (Mãe de Arthur); Arthur 'Bo' Agee (Pai de Arthur); Earl Smith (Ele mesmo); Gene Pingatore (Ele mesmo); Isiah Thomas (Ele mesmo); Marlyn Hopewell (Ela mesma); Bill Gleason (Ele mesmo); Patricia Weir (Ela mesma); Marjorie Heard (Ela mesma); Luther Bedford (Ele mesmo) e Aretha Mitchell (Ela mesmo);




SINOPSE: "O diretor acompanhou ao longo de cinco anos, da escola secundária à universidade, dois promissores jogadores de basquete que sonham jogar na NBA." (CineMenu).


"Um documentário bastante completo, que mostra desde o lado social, familiar, escolar e profissional de dois jovens apreciadores de basquete. De tão completo, fica cansativo, com cenas que poderiam ser encurtadas ou nem existir. Mesmo para quem gosta de esporte como eu, o documentário é muito extenso, sem necessariamente ser muito aprofundado, pois há momentos que ficamos vendo cinco minutos de uma festa de aniversário, o que poderia ser resumida em um minuto que não perderia o enredo, a história e a qualidade do filme. Deixando de lado seu ponto negativo, o filme retrata a vida de dois garotos pobres, negros e sem um futuro promissor, tentando ser o que todos os meninos americanos, em algum momento, já quiseram ser: jogar na NBA. Um paralelo com o que acontece aqui no Brasil, o sonho de meninos quererem ser jogadores de futebol. Mas além de ser um sonho, ou uma vontade dos garotos, também são os sonhos e necessidades de suas famílias, as quais encontram nessa futura promessa da NBA o caminho para deixar a periferia da vida, com todos os seus problemas. Vale ressaltar também o fato de mesmo tendo talento para a coisa, terem que passar por situações e por provações, governamentais, educacionais, financeiras e pessoais, para conseguirem ingressar em uma escola onde pudessem começar, de fato, a realizar seus sonhos. É um belo retrato da luta por trás do ápice e do retorno em ser uma estrela da NBA."

(1: Ruim; 2: Regular; 3: Bom; 4: Ótimo; 5: Excelente)
Jonathan Pereira





"Um documentário sobre a trajetória de dois jovens negros de um bairro pobre dos EUA, jovens que sonham em ir para a NBA, liga norte-americana de basquetebol. No percurso deste sonho encontramos as ansiedades e angústias deles e de suas famílias, seus educadores e seus treinadores, conhecendo um pouco mais de como se dá o caminho para quem deseja se destacar no esporte, passaporte para a universidade. Tentando fugir do destino certo com as drogas estes jovens seguem superando problemas familiares e baixos resultados acadêmicos. O diretor certamente mostrou empenho em filmar tantos anos da vida destas pessoas, mas o deixou longo demais, com suas quase três horas, o que poderia ter sido condensado, realizando um documentário mais interessante para o espectador."

(1: Ruim; 2: Regular; 3: Bom; 4: Ótimo; 5: Excelente)
Kleber Godoy





Para entender o que são os 1001 Filmes, acesse a página explicativa.

Para entender a dinâmica do 'O Teatro Da Vida' visite a página sobre o blog.





















Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...